A Fisioterapia Pélvica ou Uroginecológica é a área da Fisioterapia responsável pela prevenção e/ou reabilitação de disfunções relacionados aos músculos do assoalho pélvico.

O que é assoalho pélvico?

O assoalho pélvico é um conjunto de músculos que dão sustentação aos órgãos pélvicos, como intestino, bexiga e útero. São os músculos envolvidos nas funções urinária, intestinal e sexual.

Para que serve a Fisioterapia Pélvica?

A Fisioterapia Pélvica atua tanto na prevenção, quanto na reabilitação do assoalho pélvico, pois se esses músculos não estiverem funcionando adequadamente, isso pode levar a sintomas como dor pélvica, incontinência, aumento da urgência e/ou frequência, retenção (não sendo possível esvaziar a bexiga ou o intestino) e prolapsos pélvicos.

Quem pode se beneficiar com a Fisioterapia Pélvica

Embora existam certos grupos com maior chance de apresentar alterações do assoalho pélvico, qualquer pessoa pode desenvolvê-las. Aqui estão alguns exemplos de grupos que podem se beneficiar com a Fisioterapia Pélvica:

  • Mulheres no período de Pré-Natal, Pós Parto e Pós-Menopausa
  • Homens após procedimentos cirúrgicos relacionados à próstata
  • Pacientes pós cirúrgicos abdominais ou pélvicos
No caso da reabilitação, a Fisioterapia Pélvica / Uroginecológica atua no tratamento e reabilitação de disfunções como:
  • Incontinência urinária;
  • Vaginismo;
  • Dispareunia;
  • Vulvodinia;
  • Endometriose;
  • Atrofia vulvar na menopausa;
  • Disfunções anorretais;
  • Prolapsos genitais;
  • Anismo;
  • Disfunções sexuais;
  • Retenção urinária;
  • Constipação;
  • Estenose vaginal;
  • Agenesia vaginal – Neovagina.

Quando procurar um especialista

Na verdade, para que qualquer exercício pélvico seja feito da maneira correta, é essencial que se consulte um especialista. No caso, um Fisioterapeuta Pélvico.

Tratamento

O tratamento com a Fisioterapia Pélvica varia de acordo com o diagnóstico e geralmente incluem exercícios, terapia manual, eletroterapia e técnicas de relaxamento ou fortalecimento. Pode haver outras técnicas que o Fisioterapeuta incluirá durante as sessões de tratamento. O importante é saber que a Fisioterapia Pélvica pode tratar e resolver as disfunções pélvicas.